Escola dos Servidores - Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso

Notícias

A- A+

Caravana de Saúde vai à Sapezal

Antônio dos Santos tem 59 anos e é oficial de justiça na Comarca de Sapezal. Há alguns anos descobriu que tem diabetes e hipertensão, mas anda tendo dificuldades em manter as taxas controladas. Entretanto, graças à visita da equipe do projeto Caravana da Saúde, assistiu a uma palestra sobre saúde, recebeu orientações médicas e realizou exames que lhe deram um novo ânimo para combater as disfunções.

 

“Tudo o que foi dito me interessou muito, pois tenho diabetes e hipertensão e essas informações vão me ajudar a levar uma vida mais saudável. Hoje, aferi a pressão e deu 17 por 10, o que é preocupante. A vinda da equipe me alertou que preciso dar mais atenção aos meus hábitos para conseguir melhorar a minha saúde”, afirma Antônio.

 

A Caravana da Saúde é um projeto do Programa Bem Viver do Tribunal de Justiça de Mato Grosso que visa traçar um perfil de saúde dos servidores, bem como levar atendimento médico, exames e orientações ligadas à saúde às comarcas do interior do Estado.

 

No município de Sapezal (468 km de Cuiabá) o projeto atendeu 18 servidores nos dias 27 e 28 de abril. Além de assistirem a uma palestra sobre hábitos saudáveis e doenças como hipertensão, diabetes e obesidade, passaram por procedimentos, como aferição de pressão, avaliação da circunferência abdominal, pesagem, índice de massa corpórea (IMC), coleta de sangue para averiguação de triglicérides, glicemia e colesterol e orientação odontológica.

 

Bárbara Sabione trabalha no Fórum de Sapezal como analista judiciária e aproveitou a passagem da caravana para tirar dúvidas sobre odontopediatria. “Tenho uma filha de três anos e tinha muitos questionamentos sobre escovação infantil, alimentação e com que frequência deveria levar minha filha ao dentista. Valeu muito a pena ter vindo aqui. Ganhei meu dia!”, ressalta Bárbara.

 

Quem também achou a vinda da equipe médica muito oportuna foi o juiz da comarca, João Filho de Almeida Portela. No momento em que a equipe chegou ao fórum estava trabalhando com febre e dor de garganta. Mas, logo, passou por uma consulta com o clínico geral e foi medicado. “Fiquei muito contente com a visita da caravana. Esse projeto do Tribunal de Justiça é muito importante, pois ao melhorar a qualidade de vida dos servidores melhora também a prestação jurisdicional. Sem contar que chegaram em um momento muito propício”, frisa o magistrado.

 

“É uma atenção especial que o Poder Judiciário está dando para a gente, pois ficamos mais afastados da capital e o acesso à saúde aqui é mais complicado. Além do mais, estar bem fisicamente reflete diretamente no desempenho no trabalho. É a primeira vez que a Caravana da Saúde vem à Sapezal e esperamos que venha mais vezes”,  pontua a gestora-geral da comarca, Gilda Fátima Brum Golim.

 

Anna Cristina Preuss, nutricionista do Programa Bem Viver, alertou que o sedentarismo tem sido o principal vilão para a saúde dos servidores. "Na Comarca de Sapezal, 42% dos servidores analisados estão obesos ou com sobrepeso. É preciso mudar essa estatística", assegurou Anna. Para isso, ela orientou que os servidores iniciassem uma atividade física e ainda vai preparar uma dieta personalizada para cada um. 


A nutricionista destacou ainda que, estar com índice de massa corpórea (IMC) acima de 24,9, apresentar circunferência abdominal elevada, ser sedentário, estar com glicose alta e ter acima de 40 anos são fatores de risco. E quem apresenta três desses fatores pode desenvolver a chamada síndrome metabólica, o que predispõe a pessoa a uma série de doenças cardiovasculares. 

 

Está é a 32º edição da Caravana da Saúde, que já passou pelo município de Chapada dos Guimarães e seguiu para a cidade de Campo Novo do Parecis. A expectativa é que o projeto atenda cerca de 30 comarcas até o final do ano.

 

Leia também:

Judiciário retoma ‘Caravanas da Saúde’

http://www.tjmt.jus.br/noticias/39196#.VUAL19wZHI0

 

Coordenadoria de comunicação do TJMT

Imprensa@tjmt.jus.br

(65) 3617 3394/3409